ÚLTIMAS RESENHAS

Latest in Tech

08 setembro 2016

Eu Sem Você (Kelly Rimmer) - Ed. Arqueiro

Série: -
Editora: Arqueiro
Autor: Kelly Rimmer
Páginas: 304
Nota do Sempre Nerd: 3,5/5 
Há um ano, conheci o amor da minha vida. Para duas pessoas que não acreditavam em amor à primeira vista, até que Lilah e eu chegamos bem perto de dizer que isso aconteceu conosco.
Eu tinha um bom emprego em uma agência de publicidade e não fazia outra coisa além de trabalhar. Era incapaz de tomar decisões sobre meu futuro e minha casa inacabada e não sabia aproveitar a vida. Até conhecer Lilah.
Lilah MacDonald era uma advogada ambientalista linda e decidida – e, para minha surpresa, detestava usar sapatos. Era uma pessoa tão maravilhosa que é até difícil descrevê-la.
Nosso relacionamento não poderia ser mais improvável, mas me transformou profundamente. Comecei a enxergar as coisas de outra forma e a redescobrir antigas paixões. Lilah me ensinou a viver outra vez e a aproveitar ao máximo tudo o que a vida tem a oferecer.
Ela me proporcionou momentos incríveis, mas também manteve em segredo algo que partiu meu coração. Ainda assim, se há uma coisa que aprendi com Lilah é que o amor pode curar qualquer ferida.
Meu nome é Callum Roberts e esta é a nossa história.
****
Lilah - 7 de setembro
Há uma coisa – e somente uma – que preciso lembrar: a maneira como me sinto esta noite. Caí de paraquedas nessa relação com Callum. Tenho me deixado levar, permitindo que a química entre nós nos guie, pensando que podemos fazer bem um ao outro. Quando nos encontramos por acaso na George Street, pensei que se eu acreditasse em “é para ser”, então era isso que era para ser. Eu me imaginei contando à minha mãe sobre como eu tinha tentado fazer a coisa certa e poupá-lo das complexidades da minha vida e que, então, ele simplesmente apareceu do nada bem na minha frente, logo no dia seguinte. Ela faria aquela cara de velha sábia que gosta de exibir para seus alunos e alegaria que o Universo estava tentando me dizer alguma coisa. Eu riria dela, mas, secretamente, adoraria, porque era naquilo que eu queria acreditar também.
Mas, apesar dos protestos de Callum de que era um solteiro convicto, tudo o que eu via quando olhava para ele era alguém que queria amar e ser amado. Estamos nos apaixonando. A relação ainda está engatinhando, mas toda vez que nos vemos as palavras fluem e os sentimentos as seguem. Cada dia que eu prolongo isso apenas torna tudo mais difícil. 

Eu Sem Você é sem dúvidas um livro capaz de mexer com o coração do leitor. Sabe aquelas histórias que nos provocam risos, lágrimas e nos fazem refletir o quanto é importante estar perto de quem amamos? Então, Eu Sem Você  é exatamente assim, uma história que emociona de uma forma intensa e nos faz pensar nas pessoas em quem nós temos em nossa vida.

O livro traz a história de Callum, um homem de meia idade, completamente dedicado ao trabalho, ele não tem muito tempo para família e amigos. Um homem que passa pela vida, sem realmente vive-la. Lilian é uma advoga linda e decidida, uma pessoa maravilhosa. Um dia eles acabam se conhecendo em uma balsa e a partir daí a história de ambos se transforma para sempre.

Como eu disse no inicio da resenha, é um livro lindo, de apertar o coração. Os personagens são muito cativantes e bem construídos. Por tratar-se um casal mais velho, eles encaram o relacionamento de forma madura e muito verdadeira, são pessoas com dramas e alegrias.

A história é narrada por Callum e contém alguns trechos do diário de Liliah, o que dá ao leitor uma visão mais ampla sobre a relação dos dois e como cada um se sentia a respeito.

Eu gostei muito do enredo e a forma como a autora conduziu a trama, pois por mais que você possa imaginar o que vai acontecer, ainda sim é intenso e marcante. A autora soube, apesar dos clichês, trazer emoção e provocar lágrimas no leitor.


Recomendo muito para todos que gostam de uma linda história de amor, para aqueles que adoram se emocionar. Vale a pena.                                                                                                                                           

10 comentários :

  1. Se você recomenda pra quem gosta de lindas histórias de amor, você recomendou especialmente pra mim, só faltava o meu nome explícito aí hahaha. Li várias resenhas sobre esse livro, algumas com opiniões mais positivas, outras mais negativas... E ta bem balanceado. Sei que ambos são meio opostos um do outro, mas acredito que isso ajude na parte de reflexão que você citou e tudo mais. Acho que seria uma ótima leitura.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Achei bem interessante a premissa do livro, acho que vale à pena ler. Adoro histórias de amor, e gostei do enrendo dessa, com protagonistas mais velhos que o normal dos outros livros.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  3. Olhaaaa que coincidência, é bem o tipo de livro que eu queria ler no momento! hahahahaha

    Beijos,
    Sara | Lendo com Amor
    www.lendocomamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Apesar de não ser meu gênero de leitura preferido, eu gostei bastante da sinopse do livro. Acho que por o casal ser mais maduro, foge um pouco daquele água com açúcar que eu não tenho ada contra, mas que não me atrai muito. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  5. Pra um livro clichê me prender, tem que ter algo realmente surpreendente que o diferencie de outras histórias.
    Não é o tipo de gênero do meu agrado... e de início, pela sinopse, parece com o livro "À Primeira Vista" do Nicholas Sparks... Que aliás, nem gosto.

    ResponderExcluir
  6. rudynalvacorreiasoares13 de setembro de 2016 18:51

    Aline!
    Romances mais maduros quase não vejo no universo literário e saber que além de tudo ele mostra o quando devemos estar perto dos que amamos, deve ser uma verdadeira lição de vida.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. rudynalvacorreiasoares19 de setembro de 2016 21:21

    Aline!
    Não sei porque meu comentário não aparece aqui...
    Gostei muito da resenha e do enredo, principalmente porque é de um casal mais maduro e é bem difícil lermos livros com casais do tipo.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  8. Halana Santos Silva20 de setembro de 2016 18:10

    Não é exatamente o gênero a qual estou acostumada.
    Apesar até de gostar (pouquinho) de uma história com toque clichê previsível...
    Mas pra quem gosta é um prato cheio.

    ResponderExcluir
  9. Desde que li P.S. Eu Te Amo eu tô amando me envolver com romances que emocionam (e que são livros únicos, por favor!), que não são melosos demais ou adolescentes demais. Adorei a personalidade dos dois e já imagino algumas coisas que possam acontecer, já quero ler!

    ResponderExcluir
  10. Já havia lido uma outra resenha desse livro, elogiando muito ele. E, mesmo não tendo o costume de ler romances com clichês, vou dar uma chance para esse.

    ResponderExcluir